Skip to main content

Brystol

------------------------- Forwarded message -------------------------

Resposta da réplica:

From: brz, informacoes-medicas
To: Renata Octaviani (VegVida)
Sent: Thursday, November 05, 2009 12:34 PM
Subject: RES: Informações

Prezada Sra. Renata,

Conforme informamos anteriormente, o produto Rubranova não possui em sua formulação componentes de origem animal.

Em resposta ao seu questionamento sobre a realização de testes em animais, informamos o seguinte.

A Bristol-Myers Squibb, em atenção à legislação sanitária vigente, realiza testes com animais em seus centros de pesquisa no exterior, e até mesmo com seres-humanos, no processo de desenvolvimento de fármacos inovadores. Para garantir a segurança e eficácia do novo fármaco, a pesquisa clínica é realizada em diversas fases, incluindo a pré-clínica. Nesta etapa são realizados testes controlados em animais. É de se ressaltar que a legislação brasileira aplicável segue regras internacionalmente reconhecidas, e igualmente adotadas pelas agências reguladoras européias e norte-americana.

Nada obstante, ainda no que diz respeito ao desenvolvimento de fármacos, a Bristol-Myers Squibb mantém um respeitado programa que visa reduzir a utilização de métodos que envolvam testes em animais e promover o uso de testes que dispensam o uso de animais.

 

Colocamo-nos à disposição para outros esclarecimentos que se fizerem necessários.

Atenciosamente,

Rita Milagres

Informações Médicas

Bristol-Myers Squibb Farmacêutica S.A.


Réplica da cliente:

De: Renata Octaviani (VegVida)
Enviada em: sexta-feira, 25 de setembro de 2009 11:03
Para: brz, informacoes-medicas
Assunto: Re: Informações

Bom dia Rita.

Gostaria de uma resposta mais específica.

Eu faço parte de um grupo de consumidores veganos e compartilhamos informações sobre produtos como alimentos, materiais de limpeza, cosméticos e medicamentos, exercitando nosso direito à informação clara na relação de consumo.

O fato é que a Bristol - tb questionada sobre a Rubranova - enviou a um membro do grupo uma resposta igualmente genérica, na qual constava a seguinte informação:

"esclarecemos que os produtos da Bristol-Myers Squibb, que contém ingredientes derivados de tecidos/fluidos animais, seguem a legislação sanitária vigente, estando em total conformidade com as normas preconizadas pela ANVISA e demais órgãos reguladores"

Tal resposta foi enviada por Adriana Morete, do Serviço de Atendimento ao Consumidor.

Além disso, meu questionamento sobre os testes em animais (itens "c" e "d") não foram respondidos.

Aguardo novo contato.

Atenciosamente

Renata Octaviani Martins


Resposta da empresa:

From: brz, informacoes-medicas
To: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Sent: Friday, September 25, 2009 10:17 AM
Subject: RES: Informações

Prezada Sra. Renata,

Em resposta ao seu questionamento, informamos que o produto Rubranova, indicado como coadjuvante para diminuir dores osteoarticulares e musculares e no tratamento das manifestações de deficiência da Vitamina B12, não possui em sua formulação componentes de origem animal.

No mais, estamos a sua disposição.

Atenciosamente,

Rita Milagres

Informações Médicas

Bristol-Myers Squibb Farmacêutica SA


Mensagem Original:

De: Renata Octaviani
Enviada em: sexta-feira, 11 de setembro de 2009 17:09
Para: Brz, Sac
Assunto: Informações
Prioridade: Alta

 

Boa tarde.

Sou vegana e meu nutrólogo recentemente me indicou a suplementação de vitamina B12 para manutenção das taxas adequadas.

No caso, posso optar pela Rubranova ou por um suplemento oral.

Verifiquei a bula e - com base no direito à informação garantido no Código de Defesa do Consumidor - gostaria de algumas informações antes de fazer uma escolha:

a) Qual a origem (modo de obtenção, se existe ou não produto de origem animal utilizado) da hidroxocobalamina presente no medicamento
b) No que consiste o veículo estéril do medicamento (igualmente, é ou utiliza produto de origem animal?)
c) Se o medicamento em si é testado em animais
d) Se a Brystol testa outros medicamentos em animais.

Apenas para evitar desencontros, esclareço que "produto de origem animal" inclui tecidos, órgão, fluídos, colágeno/gelatina, gordura animal/glicerina, leite/soro/lactose, ovos/albumina, mel, entre outros.

Obrigada desde já, aguardo um retorno.

Renata Octaviani Martins

Valinhos-SP




Ajude-nos a conseguir mais informações, envie um e-mail para o SAC de alguma empresa solicitando informações se os produtos são feitos com insumos animais ou se são testados em animais, encaminhe a respostas para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

  • Criado por .
  • Acessos 9865