Skip to main content

L'Oréal

 
 
A L'Oréal não faz mais testes em animais para qualquer um de seus produtos ou ingredientes, em nenhum lugar do mundo. A L'Oréal tampouco delega esta tarefa a outras empresas. A rara exceção permitida é se as autoridades regulatórias exigem este tipo de teste para fins de segurança ou regulatórios.
 
Q&A
 
1. A L'Oréal não realiza testes em animais desde março de 2013? Por que não assumiu seu novo posicionamento desde essa data?
 
A L'Oréal vem se preparando há mais de 35 anos para poder banir com toda e qualquer necessidade de testes em animais. E desde março de 2013, cumpre com rigor a nova legislação da União Europeia que proíbe a comercialização na Europa de marcas, cujos produtos ou ingredientes sejam testados em animais.
 
O comprometimento ético da L'Oréal é único no mundo todo e desde março o Grupo vem colocando em prática sua estratégia para estender esse compromisso para todos os países onde opera.
 
Agora, estamos prontos para comunicar que a L'Oréal não faz mais testes em animais para qualquer um de seus produtos ou ingredientes, em nenhum lugar do mundo. A L'Oréal tampouco delega esta tarefa a outras empresas. A rara exceção permitida é se as autoridades regulatórias exigirem este tipo de teste para fins de segurança ou regulatórios.
 
2. Vocês antes comunicavam que ainda tinham que recorrer a testes em ratos de laboratórios para menos de 1% das avaliações de segurança de novos ingredientes. O que mudou?
 
Ainda não há métodos alternativos disponíveis para as avaliações de segurança de absolutamente todos os novos ingredientes, mas possuímos uma riqueza de dados acumulados durante um século, bem como uma bateria de ferramentas in vitro & in silico desenvolvidas por nossas equipes de pesquisa avançada que abastecem as nossas estratégias de avaliação preditiva. Também podemos contar com as nossas ferramentas de formulação e avaliação para maximizar o desempenho de ingredientes existentes e encontrar novas aplicações para eles.
 
Por isso, a L'Oréal não faz mais testes em animais para qualquer um de seus produtos ou ingredientes. A L'Oréal tampouco delega esta tarefa a outras empresas.
 
3. São os fornecedores que testam para vocês?
 
Não, não pedimos aos nossos fornecedores para realizarem testes em animais para nós. Quando um fornecer nos propõe um ingrediente, pedimos para examinar o dossiê de segurança. Se o dossiê contiver dados gerados através de testes em animais antes de março de 2013, a L'Oréal pode usar o ingrediente. Caso os dados tenham sido gerados depois de março de 2013 e forem para uma aplicação cosmética, a L'Oréal não pode usar o ingrediente.
 
Para que a inovação floresça, ela terá que contar com uma base comum de dados disponíveis e históricos. Todos os ingredientes disponíveis hoje já foram, um dia, testados em animais.
 
4. O que vocês querem dizer com "a única exceção é se for explicitamente exigido pelas autoridades regulatórias para fins de segurança humana"?
 
A exceção para a qual os testes em animais podem ser feitos é muito rara. De fato ela não ocorre desde março de 2013. A exceção se deve à multiplicidade de regulações no mundo. Em um país como a China, as autoridades realizam testes em animais para produtos acabados, enquanto a L'Oréal parou de testar os seus produtos desta forma desde 1989. Algumas autoridades podem às vezes não ter reconhecido ainda métodos alternativos em seu país e exigem a realização de avaliações de segurança em animais.
 
5. De que forma vocês verificarão a segurança de novos ingredientes sem testes em animais?
 
Há diferentes situações para a verificação de novos ingredientes:
 
Caso o novo ingrediente pertença a um grupo de substâncias cuja segurança humana é bem documentada, neste caso, usamos a herança de dados existentes para desenvolver por meio de analogia ou de extrapolação ("leitura cruzada"), sem nenhum novo teste em animais, um sólido raciocínio científico que está registrado em nosso dossiê de segurança.
Caso os novos ingredientes selecionados não pertençam a nenhum grupo conhecido de substâncias, nos certificamos de que sua avaliação de segurança possa ser feita por estratégias preditivas para determinados usos cosméticos sem ter que recorrer a nenhum teste em animais. Os rápidos avanços na ciência, nas tecnologias e nos métodos preditivos * devem nos permitir em um prazo relativamente curto realizar a avaliação de segurança de todos os nossos ingredientes sem restrições ou sem recorrer a animais.
* A avaliação preditiva é um método que avalia a segurança e a eficácia de produtos e ingredientes sem usar animais em laboratório e reduzindo os testes clínicos em humanos. Esta expertise integra o design molecular, a engenharia de tecidos, a toxicologia computacional, a ciência ômica, a tecnologia de imagens, entre outros.
 
6. Vocês colocarão o selo « Cruelty Free » em seus produtos?
 
Não. O selo « Cruelty Free »ou outros selos são ambíguos em nossa opinião, na medida em que acatam produtos e ingredientes que tenham sido testados em animais antes de uma determinada data.
 
Estes selos não garantem a qualidade ou a segurança de produtos cosméticos. A L'Oréal, por sua própria iniciativa, parou de testar os seus produtos em animais desde 1989, e continua a atender às necessidades de homens e mulheres no mundo inteiro com produtos seguros e eficazes.
 
7. E quanto à China?
 
Na China, as autoridades regulatórias realizam, em seus centros de avaliação, testes em animais para produtos cosméticos acabados antes que estes produtos sejam colocados em seu mercado. Achamos que estes testes são desnecessários, mas não podemos impedi-los.
 
Estamos trabalhando em estreita colaboração com as diferentes autoridades regulatórias chinesas para que haja mudanças rápidas na estrutura regulatória de produtos cosméticos que exigem testes em animais, e para que seja reconhecido o valor de diferentes métodos alternativos hoje validados em muitos outros países.
 
A L'Oréal, portanto, contribuiu em novembro de 2013 com a primeira fase para a validação de um método alternativo para irritação da pele na China.
 
8. Os seus produtos continuarão sendo seguros após março de 2013?
 
Sim, A L'Oréal nunca comprometeu, nem nunca comprometerá, a avaliação de segurança de seus produtos. Mantemos continuamente nosso compromisso para com todos os consumidores no mundo de comercializar apenas produtos cuja segurança tenha sido rigorosamente avaliada.
 
9. Quais são as marcas da L'Oréal que ainda fazem testes em animais?
Nenhuma das marcas da L'Oréal conduzem ou prescrevem testes em animais.
 
10. A L'Oréal realiza/já realizou testes em animais no Brasil?
A L'Oréal nunca realizou testes em animais no Brasil.
 
 
 
https://ci6.googleusercontent.com/proxy/GphB6HkwZvIC3cRvMpn6c3MtlVoyNlIwYNteZKG5H07AbYJ567ZBZs_2Sl5DyGSVy2PT9aU9tyl3Nd65vWSL3iXD_cQfs_Vm1pIY-62sheJnwMmyegHasaJDaNI=s0-d-e1-ft#http://www.loreal-paris.com.br/img/common/picto/arrow_t_7x4_5E5E5E.gif) -10000px 0px no-repeat rgb(255,255,255)">https://ci6.googleusercontent.com/proxy/GphB6HkwZvIC3cRvMpn6c3MtlVoyNlIwYNteZKG5H07AbYJ567ZBZs_2Sl5DyGSVy2PT9aU9tyl3Nd65vWSL3iXD_cQfs_Vm1pIY-62sheJnwMmyegHasaJDaNI=s0-d-e1-ft#http://www.loreal-paris.com.br/img/common/picto/arrow_t_7x4_5E5E5E.gif) 100% 0.7em no-repeat" target="_blank">COMO OBTER A LISTA DOS INGREDIENTES DE UM PRODUTO?

A composição completa está impressa em todos os nossos produtos.

Se desejar detalhes complementares, entre em contato conosco pelo telefone do 

Serviço de Atendimento ao Consumidor de L'Oréal Paris: 0800 701 6992

  • Criado por .
  • Acessos 29602